terça-feira, 7 de agosto de 2012

Associação de PMs pede reajuste de gratificação

Em carta divulgada ontem, a Associação dos Oficiais da Polícia Militar da Bahia (AOPMBA) acusa a Procuradoria Geral do Estado de descumprir uma decisão judicial expedida pela juiz Ricardo D’Ávila, da 5ª Vara da Fazenda Pública. A decisão, segundo a Associação, determina que o Governo do Estado reajuste o pagamento da Gratificação por Atividade Policial (GAP). “No final do governo de Paulo Souto, a categoria teve um reajuste salarial apenas sobre o soldo (vencimentos dos militares), mas esse reajuste deveria também chegar à GAP, o que não ocorreu. A associação recorreu judicialmente e ganhou”, diz o tenente coronel Edmilson Tavares, presidente da AOPMBA. Segundo ele, a correção desse reajuste à GAP deveria ocorrer desde abril, quando o processo foi julgado. A Procuradoria disse, através de sua assessoria de imprensa, que analisará o teor da carta e dos processos neles citados. (Correio)

Nenhum comentário:

Postar um comentário